Nikolaj Coster-Waldau fala do percurso de Jaime em Game of Thrones

As entrevistas ao elenco de Game of Thrones continuam. Nikolaj Coster-Waldau, que interpreta Jaime na série, já é profissional em evitar dar spoilers aos jornalistas, mas em entrevista à Men’s Health refletiu sobre alguns acontecimentos da série – nomeadamente sobre a relação incestuosa entre Jaime e Cersei.

Capa de abril da revista Men’s Health. Instagram @menshealthmag

Já se sabe que Nikolaj gosta de brincar. Por isso, quando questionado sobre se não haveria nada que pudesse revelar, o ator contou o impensável: “O braço dele cresce de volta. É uma garra. Ele aparece como uma garra. Não – é uma pata”, brincou. Tal como outros atores, também Coster-Waldau deitou uma lágrima quando acabou de gravar a oitava temporada de Game of Thrones: “Eu acho que tinha poeira no olho”, desculpou-se. Disse que considera o final da série “fantástico”, mas não entrou em detalhes.

Nikolaj Coster-Waldau faz parte da série desde o início, por isso será estranho enfrentar que tudo acabou: “Talvez neste outono, quando não regressarmos a Belfast, pensemos ‘Acho que acabou mesmo'”. O ator mostrou apoiar a decisão dos criadores de Game of Thrones de não prolongarem a série: “O D.B. Weiss e o David Benioff mantiveram-se fiéis ao que pensavam e disseram ‘Esta é a história que queremos contar; não a vamos prolongar’ – porque a HBO teria adorado mais um par de anos desta série. Há uma audiência para ela, claro. Mas acho que todas as pessoas que veem a série vão apreciar o facto de estar terminada – era uma história do episódio 1 ao 83 e nós conseguimos contá-la.

Falou ainda sobre a tão esperada Batalha de Winterfell, aquela que será a batalha mais longa na história da televisão e do cinema: “A última temporada foi tão intensa. Foi brutal”, disse, sobre as 55 noites de gravação para este episódio. “Mas, como era a última temporada, pensámos ‘Sim, nós conseguimos”, acrescentou.

Coster-Waldau reservou algum tempo para refletir sobre a relação incestuosa entre os gémeos Jaime e Cersei: “Acho que a maioria das pessoas já se sentiu atraída por alguém que não devia”, disse. “Não a tua irmã, mas alguém por quem não te deverias apaixonar. Como a namorada do teu melhor melhor amigo. É uma das poucas verdadeiras histórias de amor em Game of Thrones – Jaime é dedicado a esta mulher”.

Jaime e Cersei na temporada 6.

Mas, no final da temporada sete, vimos Jaime a cortar relações com a única mulher que amou. Viajou para Norte para lutar pelos vivos, depois de perceber que as ideias da irmã eram outras, à procura de uma última hipótese de redenção: “Ele não tem tido muito sucesso ou felicidade na vida […] Tudo aquilo em que ele toca fica arruinado”.

Jaime tem um dos arcos mais complexos da história. No primeiro episódio da série, atirou Bran de uma janela. Mais tarde, cortaram-lhe a mão dominante, viu o filho mais velho morrer à sua frente e a filha morreu-lhes nos braços. Foram tantos acontecimentos na jornada de uma só personagem que o ator chegou mesmo a pedir aos criadores da série para abrandarem um pouco o ritmo, depois de Tommen se matar no final da temporada seis: “Acho que os deixei malucos por esta razão. […] É a natureza da série que a história dê alguns saltos temporais, mas não poderiam Jaime e Cersei ter discutido o facto de o seu filho se ter matado e de agora Cersei ser rainha? Há muito a acontecer pelo meio – enquanto ator, temos de ligar os pontos e às vezes há saltos muito grandes. Há muitas pontes que temos de construir na nossa cabeça.”

Myrcella morre nos braços do verdadeiro pai.

Coster-Waldau disse que, para ele, Jaime é o mais importante: “O meu foco está no Jaime. O foco deles [David Benioff e D.B. Weiss] são centenas de outros atores. Eu tenho o luxo de me poder focar nisto. Eu quero que eles se sentem durante dias e falem sobre isto. ‘O que querem dizer que não têm tempo para falar do Jaime? Ele é a coisa mais importante do mundo’.”

Nikolaj Coster-Waldau relembrou o momento em que faz o casting para o papel de Jaime, sem saber muito sobre a personagem para além de que era um ótimo espadachim que perdia a mão ainda no início da série e que empurrava uma criança da janela. A frase “As coisas que faço por amor” fascinou o ator, pelo contraste com as ações de Jaime: “É muito raro conhecer alguém que diz e faz o que pensa. […] Todos têm opiniões sobre tudo, mas poucos conseguem viver segundo os ideais que impõem aos outros”.

Jaime no primeiro episódio de Game of Thrones.

Tendo em conta que Jaime estará em Winterfell para a grande batalha, há uma forte possibilidade de se voltar a encontrar com Bran. Como irá decorrer o encontro entre os dois? Irá Jaime conseguir redimir-se dos males que fez? Teremos de ver os episódios finais da série para saber.

Fonte: WiC


Fica a saber todas as novidades sobre a última temporada de Game of Thrones no nosso site e na nossa página no Facebook.

About Lyanna

Nascida nos reinos gelados do Norte, Lyanna esconde muitos mistérios. O que não é segredo é a sua paixão pelo mundo de Gelo e Fogo, que gosta de partilhar com todos à sua volta.