George RR Martin fala pela primeira vez sobre “House of the Dragon”

Imagem: Jose Mendez/Epa/REX/Shutterstoc

Como é habitual, George R.R. Martin fez uso do seu site para dirigir algumas palavras aos seus fãs e simpatizantes sobre as últimas novidades do universo por si criado. O autor de As Crónicas de Gelo e Fogo começa por enumerar todas as novidades que já avançamos ontem e fala sobre a sua ligação para com Ryan Condal e Miguel Sapochnik, os dois responsáveis pela nova série.

Miguel Sapochnik com o Emmy

Martin realça o trabalho de Miguel em Game of Thrones onde dirigiu cinco episódios tendo ganho um Emmy e um DGA Award com o episódio Battle of the Bastards. Sobre Ryan, Martin refere que apesar de ele nunca ter trabalhado no universo de Gelo e Fogo, que já é um amigo de longa data. Ele elogia a escrita de Ryan e afirma ainda que ele é fã de As Crónicas de Gelo e Fogo há 19 anos, sendo que Ryan descobriu a saga logo após o lançamento de A Tormenta de Espadas (em 2000).

Miguel’s name will be well known to every GAME OF THRONES fan. One of the hottest directors in television today, he directed five episodes for GOT, and won an Emmy and a DGA Award for his work on “Battle of the Bastards.”

Ryan Condal is new to Westeros, but not to me. I first met Ryan when he came to New Mexico to shoot a pilot for a fantasy western that was not picked up. I visited his set and we became friendly. Later Ryan created and served as showrunner for the SF series COLONY, and we had the honor of doing a premiere screening for the show at the Jean Cocteau. He’s a terrific writer… and a fan of my books since well before we met. 

George RR Martin

Ryan Condal

 

A primeira curiosidade que Martin revela é que Ryan Condal, inicialmente, queria adaptar os contos de Dunk & Egg para a televisão, no entanto Martin não estava preparado para que isso acontecesse, pelo menos até que ele escreva mais histórias desses contos.

Sobre House of the Dragon ele refere que o projeto já está em desenvolvimento há vários anos, apesar de que o título do projeto já tenha sido alterado várias vezes no decorrer do desenvolvimento. Ele é mais preciso ainda e diz que este projeto foi o primeiro conceito que ele lançou à HBO no verão de 2016, quando se começou a falar sobre projetos para suceder Game of Thrones.

HOUSE OF THE DRAGON has been in development for several years (though the title has changed a couple of times during that process). It was actually the first concept I pitched to HBO when we started talking about a successor show, way back in the summer of 2016.

George RR Martin

Martin avança que Ryan já escreveu muito sobre esta nova série, mas salienta que ainda há muito trabalho pela frente, desde uma equipa de escrita que ainda terá que ser montada, episódios a serem divididos e transformados em roteiros, escolher elenco, orçamentos, etc. É dito que ainda não há sequer ideias sobre locações para gravar a série, mas Martin refere que gostaria que voltassem a usar locais já conhecidos da série mãe, Game of Thrones (Irlanda, Islândia, Escócia, Croácia, Marrocos, Malta e Espanha são os países citados por George).

I expect to be involved in all of this to some extent… and, who knows, if things work out, I may even be able to script a few episodes, as I did for the first four seasons of GAME OF THRONES.

But… let me make this perfectly clear… I am not taking on any scripts until I have finished and delivered WINDS OF WINTER. Winter is still coming, and WINDS remains my priority, as much as I’d love to write an episodes of HOUSE.

George RR Martin

Ainda sobre a escrita, Martin refere que gostaria muito de escrever alguns episódios se tudo correr bem, MAS refere de imediato que não irá assumir nenhum encargo de escrita na série até que tenha Os Ventos do Inverno finalizado. O sexto livro de As Crónicas de Gelo e Fogo continua a ser a sua grande prioridade.

Martin termina o seu desabafo a lamentar o cancelamento da série de Jane Goldman, Bloodmoon (também conhecida como The Long Night). O autor diz ter ficado triste e remata que para a HBO nunca foi um caso de escolha entre uma ou outra série, referindo que há sempre espaço para vários programas em paralelo mesmo que venham de um mesmo universo.

As declarações completas de Martin podem ser lidas AQUI.


Fonte: Not a Blog

About Jon

Nascido entre o Gelo e o Fogo, descendente de duas das grandes casas de Westeros, Targaryen e Stark. Um apaixonado por este mundo que nos seus tempos livres dedica-se a fazer aquilo de que mais gosta, descobrir e dar a conhecer mais sobre este mundo.